http://img710.imageshack.us/img710/7564/portalfutebolbyjoaolope.png
QUE MODELO DE JOGO PARA A NOSSA EQUIPA?
publicado por Joao Prates, a quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Quando iniciamos a pré-época já sabemos as características dos jogadores do plantel . è a partir dai que defino o modelo de jogo da equipa.Actualmente existe muita leitura sobre modelos de jogo e sistemas, tudo as vezes escrito com nomes técnicos que por vezes confundem um pouco a nossa compreensão.Tenho a opinião que cada treinador tem a sua ideia e possivelmente cada um tem uma opinião diferente sobre o que é o modelo de jogo.O meu modelo de jogo é a minha ideia e forma de como quero que a minha equipa jogue, onde existe um conjunto de princípios de modo a dar organização à equipa.Construo a minha pirâmide de modelo de jogo a partir da, Minha ideia de jogo + Características de jogadores + Princípios de jogo + Organização Estrutural .São estes quatro elementos que constituem o meu modelo de jogo:
MINHA IDEIA DE JOGO = fazer posse de bola e circulação, jogadores bem posicionados, defender bem de forma pressionante ao portador da bola a partir da zona definida, equipa sempre compacta, com linhas próximas.
CARACTERÍSTICAS DE JOGADORES = é muito importante ter o conhecimento dos jogadores, características físicas, psicológicas de modo a retirar o máximo rendimento deles.
PRINCÍPIOS DE JOGO= são 4 momentos de jogo, a transição defesa-ataque, organização ofensiva, transição ataque-defesa e organização defensiva, é a partir deste 4 momentos que crio os meus sub-princípios de jogo que são as minhas ideias do que a equipa deve fazer em cada um destes momentos.
ORGANIZAÇÃO ESTRUTURAL= é o sistema táctico que a equipa utiliza,a disposição dos jogadores em campo (1+4+4+2) 1+3+4+3 que deve obedecer a minha ideia de jogo enquanto treinador , aos princípios de jogo definidos e ás características dos jogadores.

Etiquetas:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Blogger Martins, A. Comentou...
Sem dúvida que devemos ter em mente qual o nosso modelo de jogo ideal, mas por vezes esse não encaixa no tipo de jogadores que temos no plantel, porque nem sempre sabemos o plantel que vamos ter, e aí cabe-nos a nós conhecer os jogadores que temos e então aí sim adaptar o tipo de jogo que teremos que implementar para os jogadores em questão, porque se vamos com a ideia de por exemplo, apresentar-nos num modelo de jogo 4x3x3, e deparamo-nos com a situação de um plantel que não apresenta extremosmas sim avançados móveis, se calhar o melhor modelo a apresentar será o 4x4x2,mas ATENÇÃO,estou a falar quando não conhecemos o plantel, que 90% dos casos é uma realidade, agora sim,se já conhecemos o plantel acho que devemos implementar a nossa ideologia de jogo, e quanto a mim as ideologias apresentadas no post são ideologias que de facto dão frutos no campo.

Falo nisto porque como foi dito: "Quando iniciamos a pré-época já sabemos as características dos jogadores do plantel", e o que é certo é na maior parte das vezes o treinador é novo, os jogadores são novos, não se conhecemmutuamente, e existe sempre aquele período de adaptação e experiências que um treinador faz, essa fase normalmente édenominada de pré-época, que não serve só para preparar o físico dos jogadores mas também limar as arestas e lacunas para a equipa tipo,adaptar jogadores que provavelmente rendem mais numa posição do que á que supostamente gostam de jogar, e um leque variado de situações.

Está um excelente artigo que poderá levantar bastantes debates e com certeza dos mais importantes no que a questões técnico-tácticas dizem respeito para todos os amantes do treino desportivo.
24 de setembro de 2008 às 16:09