http://img710.imageshack.us/img710/7564/portalfutebolbyjoaolope.png
JOGANDO À BOLA
publicado por Kaká a terça-feira, 21 de outubro de 2008

E mais uma semana que passou...
Esta semana aconteceram-me algumas situações que foram totalmente inesperadas.

Mas antes de falar sobre isso, vou-vos contar acerca do jogo que fiz, com as escolas B, contra o Fiães, que terminou empatado a 1-1; foi um jogo estranho, pois enquanto eu prefiro formar jogadores, existem treinadores que preferem formatar jogadores, ou seja, o treinador do Fiães colocava um jogador em cima de cada linha de área. Tinha um defesa em cima da linha da área e um avançado na minha linha de área e o que me sucedia? Estava sempre a ter jogadores adversários isolados, pois a minha equipa quando ataca, ataca em bloco, eu não quero que a minha equipa jogue partida, quero que a minha equipajogue junta e que todos participem nas tarefas defensivas e ofensivas directa ou indirectamente; o que quero dizer com isto? Que se o meu avançado estiver a pressionar o defesa, os defesas devem subir para encurtar os espaços entre e intra linhas e permitir uma rápida recuperação da bola.

Agora vou falar sobre a minha aventura na Taça de Portugal.
Como referi antes, aconteceram-me algumas situações inesperadas: a primeira tem a ver com o facto de não ter sido titular; não estava à espera e foi como se tivesse levado um soco no estômago. Custou-me a digerir esta situação e ainda estou bastante desapontado com o meu treinador, pois poderia-me ter dito algo (até no fim do jogo), mas depois caí em mim e os meus colegas não tinham culpa nenhuma e o meu dever (até como sou um dos capitães de equipa) era de os apoiar como eles tinham feito comigo nos jogos antes; descarreguei a minha raiva toda quando entrei em campo e o resultado final foi o golo que marquei.
É evidente que ainda hoje estou chateado por não ter sido titular neste jogo, mas é algo que me tem de fortalecer e tenho de pensar em melhorar todos os dias para que esta situação não volte a acontecer.
Outra situação inesperada foi o golo que marquei. Foi uma sensação única , marcar um golo a uma equipa com a qualidade do Guimarães não aparecem todos os dias e ajudou a atenuar a minha "azia", por não ter sido titular.
Uma situação bonita que vivi, aconteceu no fim do jogo com o Flávio Meireles: Antes de começar o jogo, tinha-lhe perguntado se ele me podia oferecer a camisola e o Flávio Meireles, muito simpático, disse logo que sim; quando no fim do jogo, estou a chegar perto do balneário e ouvi o Flávio a perguntar pelo "baixinho"; eu acenei e ele perguntou-me se tinha sido eu a marcar o último golo e eu disse que sim e o F. Meireles, em tom de brincadeira, disse que já não trocava a camisola, e disse para continuar assim que as coisas só podiam melhorar!!!

Antes de terminar, quero agradecer todo o vosso apoio e carinho que demonstraram, e isso só me dá mais vontade de continuar a jogar futebol.

Até à próxima e não se esqueçam de comentar!!

Um abraço!!

Kaká

Etiquetas:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Blogger El Kün Comentou...
acredita ainda vais jogar na 1º divisao.
21 de outubro de 2008 às 23:26  
Blogger Joao Prates Comentou...
caro Kaka, gostei da tua forma d pensar!como treinador tomamos sempre as opções que julgamos ser correctas mesmo que as vezes possam não ser! a mentalidade do jogador ve-se ai!o futebol e colectivo e quem pense de forma individual nunca tera o sucesso!
continua assim
abraço
21 de outubro de 2008 às 23:46