http://img710.imageshack.us/img710/7564/portalfutebolbyjoaolope.png
FORMAR UM GRUPO COM OBJECTIVOS COMUNS
publicado por Joao Prates, a quarta-feira, 25 de março de 2009

Cada vez mais no futebol os pormenores são importantes para se atingir o sucesso e á medida que adquirimos novos conhecimentos vamos formando as nossas ideias, por vezes nem sempre são aceites de bom grado, afinal as pessoas resistem ás mudanças ou a algo de novo porque elas vem interferir com o que já está estruturado.
Na formação de um plantel no inicio de época muitos são os factores que devemos ter em atenção e cada vez mais enquanto treinadores devemos aprofundar os conhecimentos nas diversas áreas.Um dos factores importantes para mim na escolha de um plantel é conhecer o atleta que pretendo na minha equipa, quando digo conhecer refiro três factores principais, COMO È, COMO SE VAI INTEGRAR NO GRUPO,SE POSSUI CULTO DE EQUIPA.
Num grupo de trabalho com 20 elementos cada um terá a sua forma de ser, o seu carácter, mas terá sempre que existir coisas em comum ao grupo, os objectivos colectivos!Dai a importânçia de conhecer o atleta, o seu lado pessoal, o seu perfil psicológico, a sua forma de estar em grupo, os seus objectivos individuais, de modo a que possamos ter um conhecimento do seu perfil para podermos sentir que esse atleta será bem aceite no grupo e que a sua integração decorrerá de forma normal!Dando um exemplo, sabemos que existirá titulares, suplentes e jogadores que ficarão de fora, é importante saber se esse atleta aceitará essas três decisões em prol do grupo, sabemos que existe muitos que quando não jogam criam problemas, á partida esse é um foco que poderá destabilizar a coesão do grupo e uma regra minha será afastar de imediato a possibilidade de aquisição de um atleta assim.
Outro aspecto importante é saber se esse atleta cultiva o espírito de grupo, existe atletas que primeiro está o plano individual, só depois o colectivo, num grupo de trabalho com objectivos comuns, esse será um aspecto que nunca poderá acontecer, será sempre o colectivo a sobrepor-se ao aspecto individual.Numa época longa é preciso colaborar com os outros e criar sinergias de grupo na prossecução de objectivos comuns porque apesar das diferenças de cada um, o seu modo de ser e estar terá que se enquadrar nos objectivos da equipa com regras iguais e tratamentos diferentes porque cada um tem a sua forma de reagir.

Etiquetas:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]