http://img710.imageshack.us/img710/7564/portalfutebolbyjoaolope.png
Bancada Central#22 – Quanto vale este Sporting???
publicado por César Santos a sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Minuto 93. O Sporting estava fora da champions e por entre os adeptos pairava uma estranha sensação de impotência da sua sua equipa com o Twente a parecer ter sob controlo toda a acção da partida. No entanto, o minuto 94, por sinal o último da partida e também da eliminatória, trouxe num golpe de sorte alguma justiça ao resultado, não porque o Sporting tenha conseguido desenvolver qualquer tipo de futebol minimamente consistente em relação ao seu adversário, apenas porque pela luta e pela persistência que demonstraram na segunda mão mereciam uma pontinha de sorte que por vezes falta às equipas portuguesas. A verdade é que não me parece que a equipa portuguesa tenha feito mais para passar que a holandesa mas, felizmente, a lei do mais forte foi implacavél para com os jogadores da equipa da pequena cidade holandesa, essa mesma lei que muitas vezes condena uma equipa ou mesmo a selecção portuguesa. Agora que esse tão crítico momento de aflição de toda a nação leonina já passou convém à equipa técnica liderada por Paulo Bento perceber os motivos de tão paupérrimas exibições neste início de época para que a equipa não entre em falso neste ínicio de época.

Se é verdade que o Sporting não tem a capacidade financeira dos seus maiores rivais, também é verdade que apenas perdeu Derlei do seu núcleo mais duro e conseguiu até, algo inimaginável pelo menos para mim, recuperar Miguel Veloso , quando este já estava mais fora que dentro de Alvalade. A lesão do russo Izmailov também foi um factor muito negativo para a forma de jogar da equipa, mas mesmo com todas essas vicissitudes exigia-se mais e melhor a esta equipa, exigia-se pelo menos consistência e rigor, principais características do Sporting da época passada. Numa opinião muito independente devo dizer que me parece que as rotinas da equipa no mesmo sistema estão muito desgastadas e os próprios adversários já vão conhecendo quase todos os truques da equipa, porque esta reage sempre da mesma forma, sem um pingo de inovação.

Paulo Bento parece ser uma pessoa inteligente, no entanto, a sua intransigência quanto ao modelo estrutural da equipa tem impedido a equipa de crescer e de assimilar outras soluções para combater os distintos problemas que lhe vão sendo apresentados por diferentes equipas. Tal como diz Luís Freitas Lobo, reconhecido analista e especialista em futebol, mais que encontrar sistemas tácticos alternativos ao principal é necessário encontrar dentro do original formas de partir para outros sem que isso afecte a produção da equipa, ou seja, no mesmo jogo, a mesma equipa conseguir “contornar” os adversários de formas diferentes partindo do mesmo sistema. Enquanto Bento não perceber isso a sua equipa encontrará as mesmas dificuldades jogo após jogo, sem os conseguir ludibriar as defesas contrárias.

Finalizando, e no capítulo das aquisições, parecia-me uma boa medida, se fosse possível, contratar um médio-defensivo com características diferentes de Veloso e de Rochemback, já que estes, apesar da excelente capacidade técnica, são muito lentos a executar e parecendo que não isso já tira muitas soluções à linha atacante sportinguista. Se o Sporting não fizer evoluir o seu sistema de jogo não há Santo que lhe valha, e muito menos Rui Patrício poderá ir até à área adversária todos os jogos.

Abraço
“This is the real life…”

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Sinceramente, tens toda a razão...

O Sporting teve toda a sorte do mundo na Holanda, não ganhou, e aquilo que aconteceu só acontece de cinco em cinco anos...

Apesar desta primeira alegria, reconheço que o Sporting não está bem e temo o inicio do campeonato que ainda por cima tem logo um jogo muito complicado na Choupana e o Play-Off da Liga dos Campeões com uma nada acessivel Fiorentina.


Penso que o principal problema do Sporting é o Liedson não estar a 100% porque quando ele está, arrisco-me a dizer que é meia-equipa do Sporting.
A lesão do Izmailov também é lamentável, ele imprimia outra velocidade ao jogo para além da sua qualidade técnica.
7 de agosto de 2009 às 12:01