http://img710.imageshack.us/img710/7564/portalfutebolbyjoaolope.png
Freak Like Me V: Sem comentarios.... o costume
publicado por wwefreak a segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Benfica-FC Porto, 1-0: O costume...

"Pelo que fez essencialmente na segunda parte, o FC Porto merecia mais num clássico mesmo à medida de quem o preparou. O Dragão encolheu os ombros aos erros do árbitro, procurou adaptar-se ao péssimo relvado e não ligou ao cenário medieval de tochas e petardos que até retardou o arranque da contenda. A equipa queria somar mais três pontos nesta jornada, mas não conseguiu. Apenas isso. O resto foi o costume.

Dois minutos bastaram para destapar a evidência. Com Falcao caído e o jogo
parado, Javi Garcia pontapeou a bola contra o colombiano; pouco depois, a caminho da área contrária, Hulk é agarrado ostensivamente por César Peixoto. O árbitro deixou os amarelos no bolso. Típico. Especialmente tendo em conta que o FC Porto até entrara bem na partida.

Já depois do golo do adversário, que nasce de um alívio, César Peixoto voltou a derrubar Hulk, desta vez dentro da grande área e para grande penalidade. Nada, claro. Típico… Tão típico neste árbitro como a avaliação feita cinco minutos adiante, com Cardozo anula um cruzamento com o braço, sem que juiz e assistente fossem capazes de sancionar. E a recordação da primeira parte perde-se com quem não deve ser figura...

Da etapa complementar, para além de faltas inventadas e pontapés de baliza transformados em cantos, fica o registo da bravura do Tetracampeão, um grande tiro de Alvaro Pereira e uma excelente oportunidade gerada por Raul Meireles que passou a centímetros do poste esquerdo de Quim. O FC Porto teve muito jogo ofensivo, rondou zonas de perigo e fez por se adaptar ao estado do terreno.

O Dragão não foi feliz quando mais merecia, apesar de ter procurado uma instalação permanente no meio-campo contrário. E acreditou até final, mesmo quando os derradeiros minutos estavam a ser gastos sem futebol."

Publicado no site oficial do FC Porto.


Do texto publicado aqui por SKJ sobre o classico realço isto:

"
Não percebo como é que há jogos em que os jogadores do Porto parecem apagar e não jogam absolutamente nada, o que leva a que os adversários fiquem por cima. Pois convenhamos que o Benfica jogou bem, mas se o Porto tivesse feito pela vida poderia ter ganho o jogo.
Mas tudo correu mal ao Porto. O árbitro não viu que há fora-de-jogo no golo do Benfica, não no cruzamento para o golo, mas no lance antes, em que o Álvaro Pereira corta em cima da linha, nem viu um penálti sobre o Hulk. Mas nem quero entrar por ai, pois na segunda parte também há um penálti para o Benfica (sim, eu ao contrário de certas pessoas não vejo de uma maneira quando é para o meu clube e de outra quando é para os outros clubes)."

E isto:

"Apesar da vitória justa do Benfica acho que eram escusados os foguetes e as buzinadelas que se ouviram no fim do jogo aqui perto de minha casa… mais uma vez relembro que são quatro e não quarenta pontos."



Sera que o Porto so perdeu por causa dos jogadores se apagarem em momentos como estes?
Sera que os textos que eu escrevo ainda são mais "imparciais" que aqueles publicados no site de um Tetracampeão?

Quem quer ser campeão não arranja desculpas, quando é CLARISSIMA a superioridade do adversario em confronto directo. O Benfica estava desfalcado e ninguem chorou por causa disso, para o Porto menos de 3-0 era derrota e não é que perdeu mesmo?! :P

Para quem não conseguiu ainda engolir o desgosto de Domingo então que não engula, simplesmente continue...



E para o jogo da segunda mão, bom deixo isto para quem sabe:


BENFICA SEMPRE!

Etiquetas:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Blogger Charismatic Enigma Comentou...
Oh meu caro freek vejo que restornas aos teus sublimes artigos cheios de qualidade no que a uma análise futebolística diz respeito.

Pois bem, eu como portista digo, sem desculpas e sem medos: O Benfica ganhou e ganhou bem, fez por merecer a vitória, num jogo em que a equipa azul e branca pouco fez para merecer melhor sorte.

No entanto, e ao contrário daquilo que todos os benfiquistas querem fazer transparecer, a pressão estava e ainda está toda do vosso lado. Afinal, vocês gastaram milhões na reconstrução do vosso plantel, jogando a última cartada para, por fim, acabar com os sucessivos títulos do burgo nortenho.

Este era um jogo de vida ou morte para o Benfica, pelo menos no que diz respeito à pressão que começava a apoderar-se da equipa nas últimas semanas. Era a hora de provar que conseguiam lutar pelo título com o FC Porto e conseguiram demonstrar que têm estofo para aguentar a luta até ao fim. Por isso, dou-lhe os meus parabéns, porque, finalmente, provaram que podem ser um adversário a sério, uma vez que as míticas goleadas de início de época pouco ou nada provavam quanto à vossa capacidade de aguentar esta maratona. Agora sim, parece que iremos ter campeonato até ao fim.

Mas, porque convém não esquecer, é de realçar o descaimento do campo ao longo dos 90 minutos. E não falo dos penaltys, sim porque vocês reclamam um penalty devido àquela mão do Rodríguez mas esquecem-se que esse lance nasce de um canto inexistente, sendo que eu também posso afirmar que ficou um penalty por assinalar a favor do clube nortenho. Porque o que realmente é importante, é verificar o modo como a segunda parte se desenrolou com um anti-jogo permissivo puro demais evidente, sendo o árbitro prefeitamente inócuo no que ao campo disciplinar diz respeito. Mas, enfim, isso não interessa. Ganharam bem e agora nada a fazer, mesmo tendo em conta todo o aux(Luc)ílio que tiveram.

Depois, e para finalizar, devo ainda comentar essa das buzinadelas. Porque eu na minha terra também as ouvi, só que ao contrário de muitos consigo perceber muito bem o seu real motivo. Parece-me óbvio que o campeonato está longe de estar resolvido, até porque há três equipas com condições para lá chegar,mas essas buzinadelas são os foguetes do título que o clube encarnado mais anseia, ou seja, a rara vitória sobr o FC Porto.

TRETAbraço, freek...

P.S.:Porque é que eu já sabia que no final do jogo, no túnel, iria haver confusão??? Há coisas fantásticas não há???
22 de dezembro de 2009 às 13:19  
Blogger Charismatic Enigma Comentou...
*TETRAbraço, freek...
22 de dezembro de 2009 às 13:21